Rito da Caosfera

É um ritual da iluminação da psicoterapia do Caos. Os participantes ficam de pé, como se estivessem de frente para a parede de um cubo imaginário que os envolve. A medida que são invocadas as forças planetárias, os participantes estendem os braços na direção de um dos vértices do cubo, visualizando-se dentro de uma “caosfera”, com um braço estendido, apontando o eixo da linha de projeção. Enquanto cada força planetária é invocada, os participantes visualizam a caosfera que os cerca, crescendo na cor da emoção associada à invocação.

Os participantes podem iniciar a invocação por qualquer um dos vértices do cubo (isso é um ritual caótico), mas eles devem apontar na direção oposta em cada par. Assim, Mercúrio (por exemplo) fica na direção oposta à escolhida para Júpiter. Mesmo que as invocações sejam realizadas por um único operador, ele deve se referir a si mesmo no plural. A qualidade deve ser meditada por alguns momentos. Então, o grito do próximo nome indica o movimento para uma nova postura e o princípio de uma invocação.

Declaração de intento:

É nosso desejo experimentar a natureza múltipla do ser.

Estabelecimento preliminar:

O nosso nome é Legião.

É dividido que nós devemos existir

Não deixe que ninguém detenha todo o poder

Nós somos de todos os deuses e demônios

Invocação:

Eros! O radiante caminho púrpura
Êxtase que cria vida
Exalta-nos com sua volúpia!

Thanatos! O radiante caminho negro
A inevitável reciclagem da morte
Exalta-nos com seu terror!

Júpiter! Radiante caminho azul
A força do poder e da possessão
Exalta-nos com seu desejo!

Mercúrio! Radiante caminho laranja
A partida rápida do pensamento
Exalta-nos com seu anseio!

Vênus! O radiante caminho verde
Força impulsionadora do coração
Exalta-nos com seu amor!

Marte! O radiante caminho vermelho
O desobstruidor de todos os impedimentos
Exalta-nos com sua agressão!

Sol- Choronzon! Radiante caminho dourado
O deus do nosso ego feito dele mesmo.
Exalta-nos com a radiância de sua suprema unidade!

Asteróides- Baphomet!
O radiante caminho policromático
Exalta-nos com nosso total amor próprio.

Fechamento:

Nosso nome é Legião
Divididos é que nós devemos existir
Juntos, unidos por amor próprio
Não deixe que nenhum retenha isso dos outros
Nós estamos para todos os deuses e demônios.



Últimos Vídeos do Canal



Últimos Posts no Blog

Ritual Caótico do Choque de Egrégoras

Ritual Caótico do Choque de Egrégoras

O Ritual Caótico do Choque de Egrégora é essencialmente um Ritual de Assunção Forma-Deus, embora possa ser utilizado para qualquer fim que o operador quiser. O "Choque de Egrégora" no nome foi colocado para desmistificar a ideia de que egrégoras diferentes não podem trabalhar juntas, portanto o ritual não é para chocar engrégoras e sim para fazê-las trabalhar em sinergia para um mesmo propósito.
O que são Servos Astrais?

O que são Servos Astrais?

Servos Astrais podem ter os mais diversos conceitos dependendo do sistema, paradigma ou crença que você utilize. Na filosofia da Magia do Caos é convencionado que Servos Astrais são Formas-Pensamento. Diferente dos Sigilos que são apenas a representação de um intento (intenção, desejo), os Servos Astrais são representações de Habilidades, Características ou Arquétipos. Formas-Pensamentos são literalmente pensamentos que tomaram forma. Os pensamentos em […]
Contrato com Servos Astrais

Contrato com Servos Astrais

Muitas pessoas tem dúvidas sobre o tal “contrato” de ativação de servidores, mas rola uma confusão sobre a questão. O contrato do servidor é simplesmente a ficha do servidor, ou seja, ao criar o servo astral você faz o “contrato” que basicamente é a descrição das características do servidor e da forma como ele deve funcionar. No entanto […]
Ensaio sobre o EGO

Ensaio sobre o EGO

Dissecando o mecanismo do ego, para deixar de ser escravo desse mecanismo
Como criar um Servo Astral

Como criar um Servo Astral

Passo a passo de criação de um Servo Astral com seus requisitos essenciais e opcionais.


Últimos Textos da Biblioteca

A Difícil Missão de ser Ambidestro

A Difícil Missão de ser Ambidestro

A ideia de Mão Esquerda e Mão Direita vem do Vāmācāra Tantra (Tantra da Mão Esquerda) e do Kaulācāra Tantra (Tantra da Mão Direita); a primeira, diz respeito a deificar o que é comumente visto como demoníaco: “(...) comeis ricas comidas e bebeis vinhos doces e vinhos que espumam! Também, tomai vossa fartura e vontade de amor como quiserdes, quando, onde e com quem quiserdes!”; ou, como diria Menudo: “Não se reprima!”.
Anjos Fósseis – Alan Moore

Anjos Fósseis – Alan Moore

Fossil Angels é uma espécie de “ensaio-manifesto” que trata basicamente do estado da magia e espiritualidade no mundo atual, onde Alan traz críticas ácidas e contundentes a todos os demais magos e místicos, juntamente com conselhos preciosos e um otimismo implícito em relação a um possível futuro mais pleno de espiritualidade, tudo permeado com a mais fina ironia, numa linguagem por vezes rude e brutal, por vezes impregnada do bom humor britânico.
Manual da Baderna Mágicka – Magickando

Manual da Baderna Mágicka – Magickando

Manual da Baderna Mágicka é um manual prático de magia ativista feita pela galera do Magickando
Santos SÃO Servidores

Santos SÃO Servidores

Os santos católicos, assim como as entidades da Umbanda, são servidores.
O Cabalion – William Walker Atkinson – PDF

O Cabalion – William Walker Atkinson – PDF

Introdução Temos o grande prazer de apresentar aos estudantes e investigadores da Doutrina Secreta esta pequena obra baseada nos Preceitos Herméticos do mundo antigo. Existe tão pouco material escrito sobre esse assunto, apesar das inúmeras referências feitas pelos ocultistas aos Preceitos que expomos nas inúmeras obras existentes sobre o ocultismo, que isso nos leva a […]